segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Carne com quiabo



Adoro quiabo, mas sei que há muita gente que odeia, principalmente porque dizem que fica "gosmento". Isso não acontece se cuidar do preparo. Aí, fica delicioso e sem "gosma" ou "baba". 
O quiabo é um ingrediente muito usado na culinária indiana e especialmente na cozinha "cajun" do sul dos Estados Unidos. Bem temperado, é o parceiro ideal do frango e da carne. Aliás, frango com quiabo, também é uma das muitas delícias da cozinha mineira.

Na versão mais simples, como salada, o quiabo também fica muito gostoso. O primeiro truque para não errar a receita usando quiabo, é na hora da compra. Escolher sempre os menores e mais tenros. Verifique a ponta. Se estiver bem macia e flexivel, está perfeito.
A receita deste post, é fácil, rápida e muito gostosa. Na foto que ilustra a receita, a sugestão para servir é com arroz e feijão. No caso, usei feijão vermelho. O conjunto fica bem colorido, nutritivo e delicioso. Vale experimentar.

Carne com quiabo
Ingredientes:
 500 gramas de carne moída magra (usei patinho)
500 gramas de quiabo
1 lata de tomate pelado
suco de 1 limão
2 colheres (sopa) de azeite
4 dentes de alho 
1 cebola média picada
1/2 pimenta dedo de moça
1 colher (chá) de cominho em grão
1 xícara (chá) de água
1 colher (sopa) rasa de sal
pimenta do reino à gosto
salsinha picada (opcional)

Modo de fazer:
Escolha quiabos tenros. Lave bem e corte as extremidades. Pique em rodelinhas. Coloque em uma tigela e tempere com o suco de limão. Deixe descansar por 20 minutos.
Leve uma panela ao fogo com o azeite.



Quando aquecer, junte o alho picado, a pimenta dedo de moça e o cominho. Deixe dourar.


Acrescente a cebola picada e refogue até murchar.


Junte a carne moída. Se preferir pode fazer com carne cortada em cubinhos pequenos ou também carne de frango. O preparo é o mesmo. Misture bem. Vá fritando a carne e misturando até que fique bem soltinha e comece a dourar, com cheirinho de bife frito.



Nesse ponto, adicione o quiabo picado, que estava reservado.


Misture bem. Tempere com o sal e a pimenta do reino. Junte o tomate pelado com seu suco e a água. Misture bem. Tampe a panela e deixe cozinhar em fogo médio por 10 minutos ou até que que a água evapore quase totalmente.


Prove o sal e corrija se precisar. Desligue o fogo. Se quiser, é o momento de adicionar salsinha bem picada. Vai dar cor e aroma ao prato.Tampe a panela e deixe descansar por 5 minutos antes de servir.


 Bom apetite.


quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Bacalao à Martinez ou bacalhoada espanholada


Desde que me conheço por gente, bacalhau é sinônimo de festa e está presente em nossa mesa. Apesar da nossa origem espanhola, o bacalhau português tipo do Porto, é uma paixão familiar. A receita do post é uma fusão de várias preparações que gostamos e que, ao longo do tempo, resultaram na nossa  "bacalhoada" preferida. Um belo bacalhau português com tempero espanhol. Uma receita que serve muito bem 4 pessoas e que, embora pareça trabalhosa, é super fácil de fazer.

Bacalao à Martinez

Ingredientes:



1 kg de bacalhau
1 kg de batatas médias (descascadas e inteiras)
1 pimentão vermelho picado em tiras
1 cebola grande picada 
5 ovos cozidos
3 tomates maduros picados em metades
12 azeitonas pretas
1 colher (chá ) de páprica picante ( ou doce, se preferir)
sal à gosto
4  colheres (sopa) de azeite
Azeite extra virgem para finalizar

Modo de fazer:

Se optar pelo bacalhau salgado, o preparo começa na véspera. Corte o bacalhau, retire cauda e nadadeiras.Lave muito bem. Coloque em uma tigela e cubra com água. Leve à geladeira. Deixe de 3 a 4 horas. repita essa operação 5 vezes, até que o bacalhau fique hidratado e dessalgado. Se optar pelo bacalhau dessalgado e congelado. Basta descongelar e começar o preparo.

Cozinhe os ovos. Leve uma panela ao fogo com os ovos e água  suficiente para cobri-los. Adicione uma colher (sopa) de sal e deixe cozinhar em fogo médio por 15 a 20 minutos, para que fiquem bem firmes. Escorra e deixe esfriar. Descasque e reserve. 

Em uma panela funda, coloque o bacalhau e cubra com água. Leve ao fogo médio, sem tampa, por aproximadamente 25 a 30 minutos ou até que o bacalhau fique macio porém firme. Retire o bacalhau da panela, mas conserve a água. 

Coloque as batatas na água do cozimento do bacalhau. Se precisar, adicione mais água para cobrir as batatas. Cozinhe por 25 a 30 minutos em fogo médio ou até que fiquem macias  e firmes (espete com garfo para ver se estão macias). Escorra a água e reserve.

Em uma panela , coloque o azeite e o pimentão. Quando começar a amolecer, junte a cebola. Refogue até que fique macia. Junte os tomates cortados. Refogue mexendo levemente. Polvilhe a páprica e tempere cm um pouco de sal. Misture delicadamente. Desligue o fogo.Reserve.

Montagem da travessa:

Em um refratário grande, vá espalhando de forma intercalada, as batatas e o bacalhau. Depois coloque os ovos cozidos cortados em metades. A seguir, espalhe as azeitonas. Finalmente, distribua  sobre toda a superfície, a cebola refogada com pimentão e e tomate. Regue com um pouco de azeite e leve ao forno por 30 minutos.

Retire do forno e regue com um fio de azeite extra virgem. Sirva imediatamente.