segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Gelato de manga e banana.



Os dias cada vez mais longos e as tardes quentes, avisam que o verão está chegando. E para combater o calor nada melhor que um delicioso sorvete. Há algum tempo atras, vi a chef australiana Donna Hay, no Canal FoxLife, apresentando uma sugestão de sorvete que me encantou no ato: superfácil e muito saudável. 
Resolvi fazer e foi um sucesso. Só fruta e iogurte! 
É a forma ideal de enriquecer o cardápio de crianças (e adultos) que não gostam de comer frutas. 
Ao escolher as frutas, opte pelas bem maduras e doces, pois o sorvete não tem açúcar, apenas a cor e a doçura da fruta.
Se quiser um sorvete mais cremoso e mais doce, substitua o iogurte por creme de leite fresco na mesma medida. Para adoçar complete com duas colheres (sopa) de açúcar. Com essa mudança o valor calórico do sorvete aumenta substancialmente.
Fica aqui uma ótima sugestão.

Gelato de manga e banana.
3 bananas nanicas pequenas
2 mangas pequenas (usei a variedade Tommy, mas se puder opte pela Palmer que é mais colorida e doce) 
220 ml de iogurte natural integral (dê preferencia aos mais encorpados)
1 colher (chá) de essência de baunilha
Modo de fazer:
Descasque e pique as frutas. Coloque em um recipiente (com tampa) de plástico ou aço inox. Leve ao freezer por pelo menos 6 horas. O ideal é picar e levar ao freezer à noite, para usar no dia seguinte.
Retire do freezer. Espere alguns minutos.


Retire do recipiente e deixe descongelar um pouco (mais ou menos 10 minutos) para poder soltar os pedaços das frutas.
Coloque as frutas congelados no liquidificador ou no processador (usei processador). Junte o iogurte a bata.

Bata bem, até obter um creme denso e aveludado.

Coloque em um recipiente com tampa, e leve aos freezer, por pelo menos 4 horas.
Sirva em bolas ou raspas. Fica perfeito para ser servido em casquinha (cones)
Aproveite...saboreie sem culpa.

domingo, 13 de outubro de 2013

Super Kit Kat.



A arte da doçaria e "chocolaterie" não são o meu forte, embora eu aprecie muito e admire o que os mestres são capazes de produzir. Mas, entre um curso e uma aula a mais, vou fazendo minhas experiências. Há algum tempo atrás vi um vídeo sobre como fazer uma barra gigante de Kit Kat, e achei interessante. Resolvi fazer uma releitura da receita, aplicando conceitos que aprendi e principalmente guiada pelo meu paladar. O resultado foi amplamente aprovado pela família e confesso que superou minhas expectativas. É claro que não é idêntico, mas lembra bem o original. Aqui em casa já percebemos e também ouvi vários cometários, observando que mesmo sob o rígido padrão e supervisão da Nestlé, o sabor da barra de Kit-Kat, tem diferenças expressivas, dependendo do país onde é fabricada.  
Nossa receita é muito fácil de fazer e o segredo está na qualidade dos produtos empregados na confecção do doce.

Super Kit Kat.

Ingredientes:
500 gramas de chocolate ao leite (para facilitar usei 3 barras de chocolate Alpino de 170 g )
50 gramas de manteiga sem sal (temperatura ambiente)
140 gramas  de biscoito tipo wafer sabor chocolate 
2 colheres (sopa) cheias de creme de avelã ( utilizei Nutella)

Modo de fazer:
Primeiramente prepare o banho maria. Leve uma frigideira ao fogo com água. 


Quando começar a formar bolinhas, iguais a cabeça de alfinete, desligue o fogo e coloque a penela com o chocolate para derreter. 



Vá misturando devagar até derreter tudo.

É claro que esse trabalho pode ser feito no microondas, se preferir. Não vou me atrever a sugerir tempo nem potência, pois como muito bem disse a chocolatier Estela Withaker ( https://www.facebook.com/pages/Estela-Whitaker-Chocolatier/159864067442891), durante uma aula que assisti: : marido e forno cada um conhece o seu. Eu prefiro usar o método do banho-maria, pois tenho maior controle da temperatura do chocolate.

Tire a panelinha do banho-maria e junte a manteiga. Reaqueça a água, até o ponto das bolinhas. Desligue o fogo e recoloque a panelinha. Misture tudo muito bem, até obter um creme denso e liso.

Pegue uma forma para pão ou bolo inglês ( alumínio ou refratário).
Forre o fundo da forma com mais ou menos 1,5 cm de chocolate derretido. Espalhe e alise.

Disponha metade dos wafers, sobre o chocolate.



Espalhe o creme de avelã sobre os wafers. Coloque mais uma camada de wafers. 



Ponha todo o restante de chocolate derretido sobre os wafers, inclusive nas laterais. Alise com as costas de uma colher, faca ou espatula. Se quiser pode fazer uns risquinhos, com um garfo, fica a seu critério.
Tampe a forma com filme plástico e leve à geladeira por pelo menos 1 hora.
Solte as laterais com uma faca aquecida em água quente ( seque bem antes de utilizar). Corte e leve à mesa em barras. A primeira sempre quebra, mas as demais ficam certinhas.
Vai agradar na certa!!


sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Capelletti in brodo

Já é Primavera.
Os dias estão ficando mais ensolarados e quentes, mas as noites ainda estão frias. É a desculpa ideal para fazer uma bela e colorida sopa para o jantar. Adoro o Capelletti in Brodo. Um prato simples mas charmoso. Nada mais é que o capelletti, cozido em um bom caldo (brodo) que pode ser de carne, galinha ou mesmo de vegetais. É uma sopa que serve como prato único, por ser bem substanciosa. Há muitas variedades e cada família italiana tem a sua. A minha preferida é feita com caldo de carne, enriquecida de com vegetais, para torna-la mais nutritiva. Se preferir encorpar ainda mais a sopa, junte cubinhos de carne ou frango desfiado. Em nome da praticidade usei caldo de carne em pó. Prefiro não coar o caldo depois de cozinhar os legumes, mas se quiser uma aparência menos colorida, pode coa-lo antes de adicionar o capelletti.  Fácil e rápida de fazer, difícil de resistir!!

Capelletti in Brodo.
Ingredientes:
2 colheres (sopa) de manteiga
1 fio de azeite
1 cebola média picada em cubinhos pequenos
1 tomate (sem pele) picado
3 ramos (pequenos) de salsão bem picados
1/2 xícara (chá) de cebolinha picada
1/2 xícara (chá) de salsinha picada
1 cenouta média picada em cubinhos
1 folha de louro
pimenta do reino
sal à gosto
1 litro de água
2 envelopes de caldo de carne
400 gramas de capelletti de carne
1/2 xícara de ervilhas frescas ou congeladas (opcional)
queijo parmesão ralado para polvilhar

Modo de fazer:

Junte todos os ingredientes.
Em uma panela, coloque a manteiga e o azeite. Leve ao fogo para aquecer. Junte a cebola bem picada. Deixe dourar e adicione o salsão, a cebolinha, a salsa, a cenoura, a folha de louro e a água. Se quiser adicione a carne ou frango. Misture bem e deixe começar a ferver.


Quando iniciar a fervura, junte o caldo de carne e a pimenta do reino. Misture bem e prove o sal. Deixe ferver por mais ou menos 20 minutos. Nesse momento você pode optar por coar o caldo. Eu preferi deixar assim, com a  aparência mais rústica. Junte o capelletti e as ervilhas ( se gostar).




 Deixe cozinhar mais 10/15 minutos, até que a massa fique bem macia. Sirva bem quentinha, acompanhada de queijo parmesão ralado.