terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Texan chili

Um bom chili é orgulho da cozinha americana. Dizem que os melhores são feitos por homens. O certo é que há muitas receitas de chili. Cada familia tem a sua e guarda em segredo. Com ou sem queijo. Com ou sem tomate. Acompanhado de tortilla, nachos ou arroz. Com mais molho ou mais sequinho.Uma infinidade de variações sobre o mesmo tema.
A receita que usamos aqui em casa, é adaptada para agradar o paladar da maioria. Tem tomate e queijo. Com um pouco mais de molho, pois a tendencia é que fique bem espesso, enquanto servimos, por conta do amido existente no feijão. Para acompanhar, usamos  "conchinhas" de pão frances, que acomodam uma boa porção de chili.
Também podem ser servidas porções individuais, acompanhando com nachos.
Sem falar que é uma delicia no prato, acompanhado de arroz branco feito na hora.
O mais importante é que essa fusão de comida mexicana e americana, resultou num prato delicioso e fácil de preparar. Um dos ingredientes chave, é o feijão vermelho, que deve ser posto de molho, de véspera, e cresce bastante.
Na foto acima, podemos comparar as duas fases do feijão vermelho: depois de ficar de molho e antes. O grão cresce muito!
O outro ingrediente poderoso é o chili powder ou pó de chili, que dá cor e sabor ao prato. É encontrado nas grandes redes de supermercados ou em mercados municipais.
Para quem quiser experimentar (e vale a pena!!) aqui fica a receita.

Texan Chili

250 gramas de feijão vermelho
600 ml de água
1 folha de louro
1 colher (chá) de sal
3 colheres (sopa) de azeite
3 dentes de alho picados
1 cebola média cortada em cubos
1 pimenta dedo de moça
1 colher (chá) de cominho em grão
1 pimentão verde (pequeno) picado em cubos
400 gramas de carne moida (magra)
1 xícara (chá) de água
1 xícara (chá) de cheiro verde picado
sal
pimenta do reino
1 lata de molho de tomate pronto
1 colher (sopa) cheia de pó de chili
200 gramas de queijo tipo cheddar picado (ou queijo prato, ralado em ralo grosso)
1 tomate grande picado em cubos médios

Modo de fazer:
Deixe o feijão de molho na véspera.
Uma hora antes de servir, comece a preparação.
Ponha o o feijão para cozinhar, em uma panela de pressão com a água, o sal e a folha de louro. Quando iniciar a pressão, conte 10 minutos e desligue. O feijão tem que ficar macio, porém inteiro. Reserve.
Separe os ingredientes.




Em outra panela, coloque o azeite e deixe aquecer. Junte o alho e doure um pouco. Acrescente a pimenta dedo de moça picada, e o cominho em grão.


Refogue bem até as sementes de cominho ficarem levemente tostadas. Adicione a cebola e o pimentão. Refogue até os ingredientes murcharem.

 Acrescente a carne, e frite bem, mexendo sempre para que fique bem soltinha. Tempere com sal e pimenta do reino.Junte a água e o cheiro verde.


Tampe e deixe cozinhar em fogo baixo, até secar todo o liquido.
Adicione o feijão com o caldo do cozimento.Junte o molho de tomate e o pó de chili. Misture bem e prove o sal. Corrija se necessário.

Deixe cozinhar até que o caldo engrosse bem.


Espalhe o queijo e coloque o tomate picado no centro.

Deslique o fogo e deixe tampado por 10 minutos antes de servir.

Bom apetite!!

domingo, 25 de novembro de 2012

Paella Marinera

Sou adepta dos pratos saborosos e descomplicados.Esta paella é melhor exemplo.
Com um visual que causa impacto, aliado ao sabor leve e equilibrado, ela é uma opção perfeita para impressionar até os convidados mais exigentes.
Pode não ser a Paella clássica, mas o melhor de tudo, é que é rápida e muito fácil de fazer.
Experimente!!

Paella Marinera

Ingredientes:
2 e 1/2 xícaras de (chá) de arroz ( usei o tipo arboreo, para risotos)
1 kg de mix de frutos do mar para paella ( congelado )
1 e 1/2 xícaras (chá) de ervilhas congeladas
900 ml de água
1 colher (sopa)  de sal
3 colheres (sopa) de azeite
2 dentes de alho bem picados
1 cebola pequena bem picada
1 colher (chá) de açafrão em pó
azeite extra virgem para finalizar

Modo de fazer:
Em uma panela coloque a água e o sal. Leve ao fogo até ferver. Adicione os frutos do mar descongelados (inclusive os mariscos com concha). Espere levantar fervura, conte 5 minutos e desligue. Reserve. 
Na panela de paella, ou em uma frigideira grande, coloque o azeite e leve ao fogo para aquecer. Junte o alho e a cebola picados.




Refogue até a cebola começar a ficar transparente.Adicione o arroz . Mexa bem e deixe fritar um pouco.

Junte aproximadamente, uma xícara do caldo de cozimento dos frutos do mar.

Misture e deixe cozinhar a té começar a secar o caldo. Junte o restante do caldo delicadamente. Misture.Prove o sal e corrija se necessário. Junte o açafrão e misture. Adicione as ervilhas. Misture bem.






Acrescente os frutos do mar e os mariscos, espalhando de forma uniforme, sobre o arroz.Deixe cozinhar em fogo baixo até o caldo secar. Desligue o fogo e tampe com uma bandeja, forma ou mesmo com um pano limpo.


Na foto acima, usei uma bandeja grande para tampar. Esse é o segredo da pella saborosa. O arroz tem que "reposar" como dizem os espanhóis. Deixe tampado pelo menos por 10 minutos, antes de servir.



Destampe e regue com um fio de azeite extra virgem.
Esta pronta para servir. Bom apetite!!!

domingo, 7 de outubro de 2012

Pão de queijo mineiro ou brazilian cheese bagel.


Adoooooro pão de queijo. Sempre tive um pacote congelado no freezer para fazer quando der vontade ou para as visitas, na hora do chá. Mas, confesso que me decepcionei com as várias marcas que experimentei. O ingrediente principal, o queijo, sempre estava em quantidade muito escassa. Sendo assim, resolvi experimentar esta receita que é tipica do interior mineiro. O resultado foi muito bom, o visual é lindo e é muito fácil de fazer. Rende 26 pãezinhos médio, tipo lanche.
Fica aqui a sugestão.

Pão de queijo mineiro.

Ingredientes:
500 gramas de polvilho azedo (cassava starch)
250 ml  de leite
250 ml de água
250 ml de óleo de milho ou girassol
1 colher (sopa) de sal
5 ovos
300 gramas de queijo Minas ( meia cura) ralado em ralo grosso ( ou queijos firmes tipo edam, gouda,fontina,suiço...)

Modo de fazer:
Coloque o polvilho azedo em uma tigela funda. Reserve.
Coloque o leite, a água e o óleo em uma panela e leve ao fogo.


Misture e deixe ferver.


Despeje sobre o polvilho. Misture vigorosamente com o auxilio de uma colher de pau.

Deixe esfriar até ficar morno. Enquanto isso rale o queijo em um ralo grosso.
Pegue os ovos e reserve.

Ponha os ovos na mistura já morna. Misture muito bem até que fiquem perfeitamente incorporados à mistura. Por fim acrescente o queijo ralado. Misture muito bem.



Pré aqueça o forno em 180 graus.

Pegue formas, que não precisam ser untadas. Com as palmas das mãos faça bolinhas e coloque nas formas, mantendo uma distancia de mais ou menos 3 cm entre eles.





Leve ao forno em 180 graus.Deixe assar por 30 minutos ou até que fiquem crescidos e dourados.



Fácil e gostoso. Bom apetite!!

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Apple & oat cupcakes ou cupcakes de aveia e maçã.

Os cupcakes estão na moda. São os reis da mesa. Lindas forminhas, coberturas variadas e deliciosas. Já fiz para uma festa de aniversário e foi o maior sucesso. A versão que estou postando hoje, é de um cupcake mais saudável. Pode não ser tão bonito, mas é muito nutritivo e saboroso. Rico em fibras e vitaminas, é feito de maçã, aveia e farinha integral. Embora não pareça, a massa é muito leve, desmancha na boca e agrada a todos. Se quiser deixar mais atraente, capriche nas forminhas e coberturas. Os da foto são cobertos com açúcar de confeiteiro e creme de chocolate ao leite. Muito fácil de fazer, fica delicioso para o chá da tarde!
Rende 20 cupcakes médios.

Cupcake de aveia e maçã.
Ingredientes:
150 gramas de manteiga sem sal à temperatura ambiente.
2 ovos inteiros
1 xícara (chá) de açúcar mascavo
1/2 xícara (chá) de leite morno
1/2 xícara (chá) de farinha de trigo integral
3/4 xícara (chá) de farinha de trigo peneirada
3/4 xícara (chá) de aveia em flocos
1 colher (chá) de canela em pó
2 maçãs descascadas e picadas em cubos
1/2 xícara (chá) de uvas passas preta sem semente (opcional)
1 colher (chá) de fermento em pó
Para cobertura:
100 gramas de chocolate ao leite picado
50 ml de creme de leite de caixinha
açúcar de confeiteiro

Modo de fazer:
Bata os ovos, a manteiga e o açúcar.



Bata bem até obter um creme leve e uniforme.



Junte a aveia e a canela.




Misture bem.Acrescente as maçãs picadinhas e as uvas passas (se gostar).


Misture bem e acrescente o fermento em pó. Misture tudo delicadamente. Reserve
Pré aqueça o forno em 180 graus.
Separe as forminhas e coloque em forma molde para cupcakes, ou como no meu caso, dentro de forminhas de pão de mel. É preciso deixar as forminhas de papel encaixadas em outra forma, caso contrário, elas amolecerão e perderão a forma.
Separe 20 forminhas.
Distribua a massa nas forminhas, usando uma colher para sorvete, assim todos cupcakes ficarão mais ou menos iguais.

Mantenha o forno em 180 graus e leve as forminhas para assar por aproximadamente 30 minutos.
Verifique se a massa esta firme e assada.Retire do forno.
Deixe esfriar.Prepare a cobertura.




A cobertura de chocolate foi feita com pedaços de chocolate ao leite derretido em banho maria  e creme de leite. Misture bem e pingue sobre os cupcakes. 
Em outros apenas polvilhe açúcar de confeiteiro.
Agora é só servir e esperar os elogios.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Fresh Homemade whole wheat pasta ou fazendo massa fresca integral!

Adoro fazer massa fresca em casa. Sempre quis uma maquina de fazer macarrão, mas tinha receio de comprar e ficar frustrada, sem jamais acertar o ponto da massa. Por esse motivo adiei a compra por muitos anos. Uma tolice!
Estou deixando este post como prova viva de que é facilimo fazer massa fresca. Um programa de domingo para fazer com a familia e os amigos. Simples, divertido e o resultado é uma delicia. A massa comum é mais fácil ainda, porém gosto muito da integral, e é a receita dela que estou postando. Nutritiva e saborosa, não faz feio na mesa. Só não vou postar a receita do molho, pois é uma opção de cada um. Vale molho ao sugo, bolonhesa (da foto), branco, molho pronto ou até mesmo na manteiga com queijo parmesão. Fica bom de qualquer jeito!
Abaixo,  a receita passo a passo (com fotos ilustrando as etapas) para quem quiser experimentar.

Massa fresca integral.



Ingredientes:
200 gramas de farinha de trigo
150 gramas de farinha de trigo integral
3 ovos
3 colheres (chá) e azeite de oliva
3 litros de água
1 colher (sopa) de sal marinho
Modo de fazer:
Aprendi com italianos, que a massa com ovos é feita sempre observando a regra de 1 ovo para cada 100 gramas de farinha. Sempre dá certo. E aprendi com um espanhol, o chef  Karlos Arguiñano, um truque que deixa a massa mais soltinha: adicione  1 colher de chá de azeite para cada ovo.
Na massa integral, é preciso aumentar um pouco a proporção e farinha integral, mas o resultado é muito bom.
Numa tigela grande, peneira a farinha de trigo.


Depois a farinha de trigo integral.



Misture as farinhas. Faça um buraco no centro e adicione os ovos e o azeite.


Usando as mãos, comece a misturar os ingredientes pelo centro. Quando tudo estiver  bem misturado, coloque a massa sobre uma superficie firme e comece a amassar, como se fosse pão.  Se a massa começar a ficar seca demais, quebradiça e dificil de trabalhar, adicione um pouquinho de agua e esta resolvido.


Polvilhe um pouco de farinha de trigo e deixe descansar por pelo menos 30 minutos.

Corte a massa em fatias, como se fosse pão. Monte a maquina e deixe o cilindro ajustado no  numero 2.




Pegue cada fatia e passe pelo cilindro. Enfarinhe e reserve

Ajuste o cilindro no numero 4 e repita o operação.Enfarinhe e reserve.



Coloque a manivela no cortador de massas de sua preferencia. No caso usei o corte talharim.
Coloque a ponta da massa no cortador e passe de um vez, sem parar. Enfarinhe a massa recem cortada e reserve.


Leve ao fogo, uma panela grande, com 3 litros de água e um colher (sopa) de sal marinho. Deixe ferver bem. Coloque o macarrão para cozinhar.
Deixe 10 minutos em fogo médio, ou até no ponto "al dente". Retire do fogo e escorra.


Adicione a massa ao molho de sua preferencia. Misture. A massa fresca é mais porosa e absorve muito bem o molho.Misture e sirva imediatamente. Delicia.
Bom apetite!

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Cavalinhas defumadas ( DIY Fish and Meat Smoker)





Andei meio sumida, mas finalmente estou voltando. Há pouco mais de um mes perdi minha mãe, e aos poucos estou retomando minha vida.
No final do ano passado, mostrei aqui no blog, o defumador de alimentos que fizemos no fundo do quintal. Ele estava recém feito, caiado e bem branquinho.

Estavamos ansiosos para começar nossas experiencias.
Começamos defumando salmão, depois linguiças, bacon...e assim que começou a temporada de cavalinhas, começamos a fazer as tentativas com a grande estrela do defumador.Depois de várias "defumadas" chegamos ao equilibrio entre mistura de madeira e tempo de queima. Meu marido encontrou o ponto ideal de queima lenta (cinco horas e meia) com uma mistura de serragem e lenha. O processo lento e continuo resultou na melhor cavalinha defumada.
O aroma delicioso, a textura da carne bem firme sem estar ressecada e a cor é um assunto à parte.
Nosso defumador, esta mais do que aprovado. Multitarefas como é, provou ser uma ótima churrasqueira e um belo forno de pizza.
O único problema é que agora ele já não ostenta mais a brancura de outrora!
Tirando o lado estético, é uma delicia abrir a portinha e sentir o cheirinho de defumado, que persiste nas paredes internas. Para nós que gostamos de carnes defumadas, foi a melhor solução, pois atualmente é dificil encontrar carnes realmente defumados. Há uma profusão de corantes, flavorizantes e aromas que imitam fumaça.
E como ainda há cavalinhas no mercado, ainda vamos defumar mais algumas!!

Para quem se interessar pelo defumador, aqui estão algumas imagens da parte interna. Muito simples, por sinal.