domingo, 4 de abril de 2010

Pão Integral ( para maquina de fazer pão)

Nada melhor que uma bela receita de pão para comemorar a Páscoa. Um poderoso símbolo de fartura e prosperidade. A benção necessária à todos os lares.
Há muitos anos faço pão, mas ainda me surpreendo com o delicioso cheirinho que toma conta da casa, quando está pronto para sair do forno. Que alquimia maravilhosa! Ultimamente tenho feito muitos pães em minha adorável maquininha de fazer pão. Eu me afeiçoei muito a ela, e as vezes achava esse sentimento meio despropositado, até duas semanas atras. Num domingo de manhã, eu e minha mãe estavamos na fila do supermercado, quando vi logo a minha frente um casal com uma maquina semelhante a minha. Comentei com minha mãe, que também tem uma, o quanto gostava dela. Falei baixinho, mas acho que o homem ouviu e voltou-se para mim dizendo:
- Eu não vivo mais sem esta maquina. É a terceira que compro. Tenho uma em casa , outra no sítio e esta, estou dando de presente para minha filha. Só faço pão integral. Com as melhores farinhas e sem nenhum conservante. E o que é melhor: com pouco sal e gordura. O pão industrializado, não é saudavel!
Concordei. Nos despedimos e lá se foi ele com sua terceira maquina de pão debaixo do braço. Pensando no que ele disse, resolvi postar uma receita muito saborosa de pão integral, que sempre dá certo. Aí vai:

Pão Integral 
Ingredientes:
2 e 1/2 xícaras (chá) de leite integral
2 colheres (sopa) de azeite extra virgem
1 colher (chá) de sal 
2 colheres (sopa) bem cheias de mel
2 colheres (sopa) de farinha de soja torrada
1 e 1/2 xícaras (chá) de aveia em flocos
1 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo integral
3 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo especial ( usei a marca Renata) 
1 colher (chá) de fermento biológico seco
Modo de fazer:
Vá colocando os ingredientes na cuba da máquina, obedecendo a ordem em que aparecem na lista de ingredientes. Comece pelo leite e vá adicionando os demais ingredientes, terminando com o fermento, levemente espalhado sobre a farinha de trigo.Tampe a máquina e selecione tamanho aproximado ( 900 gramas) e ciclo de 3 horas. Na minha máquina, marca Britania, é o ciclo 11 - sanduiche. 
Esse pão faz o maior sucesso, pois a cor é linda e o sabor muito delicado. 
Quanto à cor, tenho percebido que se faço o pão pela manhã ele fica mais dourado.Se fizer no final da tarde ou à noite ele fica mais clarinho. Isso ocorre devido a oscilação da intensidade da energia elétrica. Durante os picos de consumo fica mais fraca e o pão mais claro e quando há menos consumo, a energia fica mais forte, resultando num pão mais dourado e uniforme ( independentemente da opção selecionada).
Espero que gostem!
Feliz Páscoa à todos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário